segunda-feira, 8 de março de 2010

Feliz Dia da Mulher!


Amiguinhas do meu coração! Quero muito desejar a cada uma de vocês um dia da mulher abençoado, pois vocês meninas, são a mais pura benção concedida ao mundo! Me puxei agora hein, hehehehe! Sintam-se beijadas e abraçadas por mim!

Para homenagear a todas as mulheres, vou publicar um texto que eu escrevi e que saiu em um jornal aqui da cidade há cerca de um ano, espero que vocês gostem!


O Desafio de Ser Mulher

Existe um momento na vida dos seres humanos que vai servir quase como um divisor de águas: é o momento que saímos de dentro de nossa mãe e o médico diz: parabéns,é uma linda menina! A alegria da mamãe, a princesinha do papai, o objeto de proteção do maninho. O incrível é que todo mundo esquece tudo que virá daqui para a frente...
Menina, quase que por tradição, tem que ser mais comportada, mais obediente, mais dedicada aos estudos. A menina vai crescendo a aprendendo, desde pequenininha que tem o poder de chamar a atenção como ninguém. E aprende também, que às vezes tem também obrigações como ninguém.Começa a turbulência da adolescência...o corpo se transformando, a vaidade crescendo, as atenções masculinas se voltando, os hormônios em fúria, os pais que não nos compreendem, a escolha da profissão chegando...tudo isso sem esquecer que temos que ser o mesmo modelo de comportamento e obediência da nossa infância.E a vida adulta? A competição feminina? As obrigações com os maridos e filhos? As mulheres precisam ser mestras em mostrar que são tão capazes quanto os homens no mundo profissional, para no final do dia buscar o filho na creche, levar o outro para a natação, tomar a lição do mais velho, preparar a janta, dar atenção ao marido, preparar as mochilas e as bolsas para o dia seguinte, tudo isto mantendo as unhas feitas, o cabelo escovado, a raiz pintada, a pele limpa, as pernas depiladas, a meia-calça intacta e a calcinha sem furo nenhum. Se sobrar um tempinho, dá pra ir até a academia pra manter a forma um pouquinho antes da hora da janta...isso se não for um dia que temos que encarar isso tudo no meio daquela dor de cabeça que te pegou a semana inteira por causa da TPM. Ah, a TPM, aquela sensação de não saber se quer chorar ou matar alguém, a cabeça que lateja, e a cólica...
Só a mulher sabe o que ter um bife tirado do dedo pela manicure, o constrangimento que é um exame ginecológico, ter a responsabilidade de saber o que está faltando na despensa de casa, lavar a roupa da família inteira, a vontade de chorar quando o cabelo não está como queremos, a vontade de vomitar quando comemos aquela baita bomba de chocolate no meio da dieta, a alegria de entrar naquele jeans que há muito tempo não entrávamos, comprar aquela blusinha que nem sabemos com o que vai combinar, mas que está num preço imperdível, lavar a calcinha no chuveiro, ter um verdadeiro buraco negro dentro da bolsa, ter que pedir para um homem calibrar os pneus do carro, se sentir triste porque “nenhuma roupa fica boa”, ...só a mulher sabe o que é amar incondicionalmente, sabe qual é a sensação de poder dar a vida à outro ser humano, sabe o poder que as lágrimas tem, o poder de um beijinho no dedo do filho que se machucou, a confiança que depositamos naquela amiga que trabalha ao nosso lado, sentir tristeza sem nem ao certo saber o porquê, sentir vontade de fazer não sei o quê, lembrar de todo e qualquer momento da vida quando escuta aquela música...O que aconteceu agora? Ihhhh, caramba, enquanto estava aqui falando lembrei que não fui no supermercado essa semana! Tenho que desmarcar a limpeza de pele, ligar pra minha amiga, afinal é aniversário do filho dela, buscar meu filho na escola e comprar a linha de costura que está faltando aqui em casa. Vou tomar um banho rapidinho, fazer uma escova, levar o carro para abastecer, passar na minha mãe porque ela quer que eu faça umas comprinhas para ela também e já vou indo! Vou colocar aquele meu vestido novo e a sandália que eu comprei na liquidação. Ou será que eu uso eles na integração do trabalho do meu marido? Falando em integração, não posso esquecer que tem a janta aqui em casa com os amigos dele...preciso comprar tudo para fazer a comida e já vou preparar as sobremesas à tarde, para deixar adiantado. Mas ele me disse que queria que eu comprasse um bolo...hummm vou ter que passar na padaria também!Sexo frágil....hum, conta outra!
Beijos no coração!

5 comentários:

»¤Þ䵣䤫 disse...

Que lindo texto Dani, mais vc é uma menina muito prendada, somos muito incríveis! Nem acredito que damos conta de tanta coisa! Mulher é um ser fantástico! Um beijo enorme e feliz dia da mulher :D

Mα∂ємσiѕєℓℓe Ѽ disse...

Oi Dani amiga, tudo bom? lindo texto. Feliz dia da Mulher pra ti. bjs *.*

welze disse...

que postagem gostosa de ler. me senti presenteada. feliz nosso dia

Tatiana disse...

Como eu costumo dizer: "Tem que ser MUITO MACHO para ser mulher"!
Felicidades amiga!
Bjs

Fla disse...

Parabéns pra você também.
Beijos